Domingo 20 Junho 2021,
Patrocínio VIP

Governo Federal anuncia mais de R$ 3 mi para o Triângulo e Alto Paranaíba

Verba da saúde beneficiará Araguari, Patrocínio e Carmo do Paranaíba.
Anúncio foi feito pelo ministro da Saúde, em Belo Horizonte, neste terça (18).

Do G1 Triângulo Mineiro

Os municípios de Carmo do Paranaíba, no Alto Paranaíba,  Araguari e Patrocínio, no Triângulo Mineiro, contarão com repasses do Ministério da Saúde, de mais de R$ 3 milhões, em 2017. O anúncio foi feito nesta terça-feira (18) pelo ministro da Saúde, Ricardo Barros, durante visita a Belo Horizonte. Barros assinou portarias que liberam recursos para atendimentos de média e alta complexidade. Minas Gerais vai receber, ao todo, R$ 122,1 milhões. O valor será destinado a 56 entidades filantrópicas e hospitais em diversas regiões do estado e seis Unidades de Pronto Atendimento (UPAs).

De acordo com o pronunciamento, a Unidade de Pronto Atendimento de Carmo do Paranaíba vai ser beneficiada com R$ 840 mil. Para a Santa Casa de Misericórdia de Araguari, serão destinados R$ 726.151,44 ao setor de obstetrícia. Já em Patrocínio, a Santa Casa de Misericórdia Nossa Senhora do Patrocínio vai contar com R$1.333.449,14. Deste total, mais de um R$ 1 milhão serão destinados a leitos de UTI. O restante será distribuído entre as áreas de obstetrícia, terapia nutricional, enteral e parenteral.

“Essa verba é resultado de um esforço conjunto das ações de gestão que estão sendo realizadas pelo ministério, com isso, aumentando o acesso dos brasileiros aos tratamentos e medicamentos. As medidas estão garantindo o pagamento em dia do Ministério da Saúde e teremos recursos para continuar cumprindo os nossos compromissos”, destacou Barros.

Repasses
Em todo o país, 216 entidades filantrópicas serão beneficiadas com a garantia de repasse de R$ 371,9 milhões por ano. Essas unidades são responsáveis por 43% das internações que ocorrem no país.

Também estão sendo contempladas 99 UPAs, com impacto financeiro anual de R$ 182 milhões ao orçamento do Ministério da Saúde. Serão liberados, ainda, R$ 141,1 milhões para o pagamento de emendas a 255 instituições prestadoras de atendimentos pelo Sistema Único de Saúde (SUS).

De acordo com o ministro da Saúde, os recursos vão atender serviços realizados pelo SUS e que não contavam com a contrapartida do governo federal.

Please follow and like us:

Comentários

comentários

Gostou? Compartilhe!

Sobre o autor

Diretor Patrocínio VIP