Quarta 12 Dezezembro 2018,
Patrocínio VIP

Expocaccer aprova novo Estatuto Social em Assembleia Geral Extraordinária

Documento apresenta inovações e modernidade para a cooperativa que completou 25 anos em 2018.

Comunicação Expocaccer

Os cooperados da Expocaccer reuniram-se no dia 04 de dezembro, em Assembleia Geral Extraordinária (AGE) no Núcleo de Práticas Jurídicas, Administrativas e Contábeis do UNICERP, para tratarem da Proposta de Reforma Estatutária.

O Estatuto Social em vigor foi modificado, pela última vez em 2004, e por isso, carecia de reforma, tendo em vista estar alinhado com a visão inovadora da cooperativa que completou 25 anos em setembro de 2018.

Modernidade e inovação

A motivação para a reforma do Estatuto Social foi implantar, por meio deste documento, modernidade e inovação na gestão e na condução dos negócios da cooperativa. Para promoção da mudança, foi criado um grupo de estudos que se reuniu com frequência durante seis meses para discutir sobre as alterações. Os cooperados também puderam participar, pois tiveram acesso à proposta com antecedência, bem como foi realizada uma manhã na Expocaccer para esclarecimento de dúvidas e coleta de sugestões para melhoria do documento em questão.

Entre os pontos de mudança, merecem destaque a alteração da Estrutura do Conselho de Administração, em que houve uma redução de 15 para 7 membros; a estruturação de uma Diretoria Executiva Profissional e a criação de fundos para fortalecimento financeiro da cooperativa. A proposta foi votada pelos cooperados presentes, que, por unanimidade, aprovaram o novo documento.

O conselheiro administrativo e coordenador da proposta da reforma do Estatuto, Maurício Carvalho Brandão, avalia positivamente a AGE e a receptividade dos cooperados perante às alterações.

“Acredito que, na AGE, fizemos algo extremamente importante e audacioso, pois algumas modificações que introduzimos ao Estatuto são de um avanço grande, e, poucas cooperativas no Brasil, têm o que nós aprovamos em termos de avanço. É um avanço no sentido da modernidade da gestão da Expocaccer. Acredito que uma cooperativa deve ter, especialmente, uma democratização muito grande do poder e uma profissionalização da gestão, e a reforma do Estatuto nos levou avante nestes objetivos. A criação de uma diretoria executiva profissional é algo que já fazíamos, mas agora estruturamos esta gestão, sendo um passo muito importante. A alteração do Conselho foi feita como consequência disto, logo, reduziu-se o número de conselheiros para que cada membro seja mais pertencente ao Conselho, e, principalmente, o sistema de se dividir os prazos e términos dos mandatos, oferecendo a oportunidade de, em todo ano, renovar o Conselho em parte. Isto é um avanço muito grande que eu desconheço em outras cooperativas. Além do mais retiramos do Estatuto uma séria de textos que caíram em desuso, sendo necessário, pois este é um documento que manifesta os nossos objetivos e as nossas crenças. Logo, uma cooperativa como a Expocaccer, que sempre esteve à frente nesse quesito de buscar seus objetivos, deu mais um passo importante na linha que vem seguindo. A presença dos cooperados demonstra o acerto do processo que fizemos, pois não é um trabalho isolado, foi promovida a participação e integração de todos para debater e trocar ideias. Acredito que fizemos algo maravilhoso com a aprovação do novo Estatuto”, explica Brandão.

O Estatuto agora segue para registro nos órgãos competentes para que as mudanças validadas sejam incorporadas, o quanto antes, à gestão da cooperativa promovendo a modernidade e a inovação estruturadas no documento.

Comentários

comentários

Gostou? Compartilhe!

Sobre o autor

Diretor Patrocínio VIP